Archive for Outubro, 2009

Historiografia crítica é tema de palestra no Centro de Ensino Médio Bom Jesus, em Gurupi

Outubro 30, 2009
PALESTRA NO CEM BOM JESUS 30.10.2009.  5No registro fotográfico, este blogueiro aparece ao lado do professor Pedro Amorim, a quem agradece pela acolhida recebida.

Na manhã desta sexta-feira, 30, estive  no auditório do Centro de Ensino Médio Bom jesus, em Gurupi, para proferir a palestra Historiografia  Crítica no  Livro Histórias da Historia de Gurupi.  O público alvo foram os alunos que estão concluindo o segundo grau e  já se preparando para encarar o exame vestibular.

Convém lembrar que o Centro Universitário UnirG adotou o meu livro como obra de consulta para o vestibular  2010-1.

PALESTRA NO CEM BOM JESUS 30.10.2009.  3

A palestra transcorreu em ritmo de muita descontração

Anúncios

Dia das Nações Unidas

Outubro 23, 2009

onu01*Por Iradj Roberto Eghrari

Comemora-se no dia 24 de outubro o “Dia da Organização das Nações Unidas”, estabelecida em 1945, após o término da segunda Guerra Mundial. Desde a sua fundação, a ONU tem atuado como o mais destacado organismo de caráter internacional e a data que comemora sua existência deve servir como uma ocasião de reflexão a respeito do ideal da unidade e da paz mundial.

Para que uma efetiva e duradoura unidade seja estabelecida é necessário que certos requisitos sejam cumpridos. O atual sistema de relações internacionais precisa ser aperfeiçoado pois, ainda está baseado em injustiças que, se não forem eliminadas, serão a causa de graves conflitos, cujos primeiros sinais já podem ser plenamente percebidos. Se tais aperfeiçoamentos não forem feitos, será inevitável que a desconfiança e o rancor acabem por destruir os sonhos de harmonia e entendimento depositados na ONU, assim como aconteceu com sua predecessora, a Liga das Nações.

Nenhum tipo de esforço em prol da paz será dotado de efeito se não for sincero e pleno de verdadeiro amor. Segundo Bahá’u’lláh, profeta fundador da Fé Bahá’í, há mais de um século declarou: “Sois os frutos de uma só árvore e as folhas de um único ramo… A Terra é um só país e os seres humanos são seus cidadãos.” Todas as Suas obras estão cheias de referências à unidade da humanidade. Segundo seus escritos sagrados afirmou que agora é o tempo em que a humanidade pode estabelecê-la definitivamente, com a tão esperada paz mundial. O processo de unificação por que passou a humanidade: desde a família, o clã, a tribo, a cidade-estado e, agora, o estado nacional deve, finalmente, atingir a unidade total de todas as nações e todos os povos.

Porém, é necessário mais do que pensamentos de paz e amor, ainda que estes sejam o fundamento de toda conquista da paz. É necessário estabelecer um tribunal internacional com representantes eleitos de todas as nações, cuja função seria “resolver pelo arbitramento tudo o que de outro modo poderia causar guerra”. É claro que tal Supremo Tribunal não poderá estar à mercê de decisões privilegiadas de alguns membros mais fortes. A decisão de todos deverá ser igualmente valorizada.

Outros requisitos à unidade, além do arbitramento internacional são: uma língua internacional auxiliar, o desarmamento simultâneo das nações do mundo e a participação igualitária das mulheres nos assuntos da sociedade. Todas estas questões estão, irremediavelmente, progredindo para seu destino.

Hoje a humanidade tem condições de estabelecer a unidade. É preciso que todos lutem por ela. Bahá’u’lláh deixa a certeza de que “dentro em breve a ordem atual será posta de lado e uma nova será estendida em seu lugar”.

———————————————————————————————-

*Iradj Roberto Eghrari, diretor de Relações Institucionais da Comunidade Bahá’í do Brasil –  E-mail: ascom@bahai.org.br

Balada Cristã movimenta juventude católica em Gurupi

Outubro 21, 2009

1cristoteca1

Por falta de opção os jovens de Gurupi tem se envolvido cada vez mais nas drogas, prostituição, violência familiar dentre outros, e com o intuito de proporcionar uma diversão saudável é que foi criado o Projeto Cristoteca – A Sua Balada Cristã, que a cada edição ganhar força em todo Brasil. Em Gurupi, a Renovação Carismática Católica abraçou esse projeto e por isso estará realizando no próximo dia 24 de outubro, a partir das 22 horas, no Instituto Juarez Moreira a terceira edição dessa grande festa  que, de acordo com o produtor cultural, Vinícius Martins, trata-se de uma balada diferente.

“Será uma noite de muita oração através da música eletrônica e da dança. Uma oportunidade de expressar-se a Deus em oração por meio dos ritmos mais animados da música católica”, explica. DJs de Cristo, Cristolanche, tecno-católico, forró, axé, dance, enfim., essas são algumas das opções que uma balada cristã pode oferecer de bom. “E o mais importante: tudo vivido na presença do Senhor”, ressalta Vinicius.

A animação do evento fica por conta do DJ Maurão, de Goiânia, servo de Deus, 30 anos idade, há 15 anos trabalha e defende a música católica, já fez parte de ministério de música em Rio Verde (GO), participou da banda Rainha da Paz (violão e animação), pregador, ministro de oração. Pioneiro na música eletrônica católica no Centro-Oeste, discípulo do DJ Vermelho, da Cristoteca de São Paulo, atua em eventos de festas aniversários, casamentos, retiros e Cristotecas.  Seu repertório é totalmente cristão, voltado para evangelização. De Gurupi Maurão segue para as cidades goianas de Trindade (25/10), Uruaçu (30/10 ) e Porangatu (31/10). No sábado dia 24/10 às 9h, haverá uma grande carreata com concentração no Parque Mutuca, estejam todos convidados. Os ingressos estão sendo vendidos nas secretarias das paróquias de Gurupi.

O ANIVERSÁRIO DE MIKA OSAWA

Outubro 20, 2009
Enfermeira Mika Osawa, a aniversariante do dia

Enfermeira Mika Osawa, a aniversariante do dia

Carimba idade nova nesta terça-feira, 20, a enfermeira do Hospital Regional de Gurupi,  Mika Osawa, que também é professora do Curso de Enfermagem do Centro Universitário UnirG.

Reconhecida pela dedicação e profissionalismo com  que desempenha suas funções, a enfermeira Mika Osawa é muito querida por parte de seus colegas de trabalho, que lhe desejam muitas felicidades neste dia.


Digitalização de prontuários chega ao Hospital Regional de Gurupi

Outubro 20, 2009

Na sequência das ações de políticas públicas visando o atendimento de excelência ao usuário do SUS – Sistema Único de Saúde, a Sesau – Secretaria de Estado da Saúde, está implantando no HRG – Hospital Regional de Gurupi, o Sistema de Prontuário Único, que consiste na triagem, cadastro, digitalização e modernização do prontuário dos pacientes.

Estão sendo digitalizados mais de 130 mil prontuários de pacientes que ficaram internados no HRG desde 1992 até os dias atuais.

A coordenadora do SPP – Serviço de Portaria e Prontuários do HRG, Jaciara Brito, explica que o prontuário único é um serviço que irá gerar informações pertinentes sobre todos os pacientes atendidos no hospital, com maior rapidez, diminuindo custos com materiais, exames complementares e tempo.

“Esse sistema representará maior agilidade no atendimento no Hospital Regional de Gurupi, além de facilitar o acompanhamento médico no caso de continuidade de tratamento, pois constam informações de exames e procedimentos realizados no paciente”, afirmou a coordenadora, ressaltando que dentre os principais motivos que levam uma pessoa a procurar a cópia de seu prontuário médico estão para dar entrada no seguro DPVAT, aposentadoria por invalidez e licença médica.

A digitalização dos prontuários dos pacientes do HRG está sendo feita por uma equipe de 45 pessoas que trabalham divididas em dois turnos das 07 às 16:50min e das 17:00 às 03:00. O prazo previsto para a conclusão dos trabalhos é de 90 dias. Digitalização de prontuários chega ao HRG

O arquivo antigo do hospital está com os dias contados

O arquivo antigo do hospital está com os dias contados

Cerca de 45 pessoas se revezam no trabalho de digitalização dos arquivos

Cerca de 45 pessoas se revezam no trabalho de digitalização dos arquivos

Comunidade Bahá’í intensifica ações em Gurupi

Outubro 12, 2009
Em entrevista a uma emissora de TV de Gurupi, Pejman Samoori explicou os preceitos da Fé Bahá'í

Em entrevista ao repórter Netto Reis, da Sil TV (Rede TV!) de Gurupi, o professor Pejman Samoori explicou os preceitos da Fé Bahá'í

Considerada religião mundial, independente, com suas próprias leis e escrituras sagradas, surgida na antiga Pérsia, atual Irã em 1844, a Fé Bahá’í foi fundada por Bahá’u’lláh, título de Mirzá Husayn Ali (1817-1892) e não possui dogmas, rituais, clero ou sacerdócio.

Com aproximadamente 7 milhões de adeptos, a Comunidade Bahá’í é a segunda religião mais difundida no mundo, superada apenas pelo Cristianismo, conforme afirma a Enciclopédia Britânica. Os bahá’ís residem em 178 países do mundo, em praticamente todos os territórios e ilhas do globo.  No Brasil a Comunidade Bahá’í está estabelecida desde fevereiro de 1921 e hoje é reconhecida por estabelecer projetos de desenvolvimento econômico e social em diversas regiões do país Já no Tocantins, os bahá’ís estão presentes em Palmas e Gurupi.

Com  o objetivo de difundir os preceitos da Fé  e dar suporte às ações desenvolvidas pela Comunidade Local,  o professor universitário Pejman Samoori esteve no domingo e no feriado de segunda-feira, 12, visitando a Comunidade Bahá’í  de Gurupi, cujo ponto de referência é a Estância Casa Branca, de propriedade da escritora Ednéa Rezende. Samoori também participou de atividades promovidas pela Comunidade Bahá’í numa propriedade rural a 12 km da cidade.

Na oportunidade, Pejman Samoori explicou que a Fé Bahá’í tem como forte característica a unidade perfeita entre as condutas espiritual e social de cada ser humano. Assim, em seus escritos (tanto os revelados por Bahá’u’lláh e ‘Abdu’l-Bahá, quanto nos de escritores nossos contemporâneos) há muitos aspectos que se relacionam com nossa vida cotidiana, abordando temas vitais para a adequada evolução do homem no planeta, como a paz mundial, a preservação do meio ambiente, a eliminação de todo tipo de preconceito, entre outros.

“Por outro lado, a vida comunitária Bahá’í também tem suas peculiaridades, como a prática anual do jejum, por exemplo, além de seguir um calendário próprio.”, ressaltou.