Janjão se apresenta na Escola de Canuanã da Fundação Bradesco

Janjão e eu, antes da apresentação do espetáculo

Nos dias 1 e 2 de julho, estive na Escola de Canuanã, da Fundação Bradesco, no município de Formoso do Araguaia, pegando carona na apresentação da trupe da Cia de Teatro Sorria Meu Bem, que foi levar mais uma edição projeto Circo do Nelore, realizado pela Associação de Criadores de Nelore do Tocantins (ACNT), que engloba ainda palestras e distribuição de uma cartilha educativa.

A turma estava animada para assistir o espetáculo

À noite do primeiro dia de nossa chegada à Canuanã,  e antes da apresentação do espetáculo Sorria Meu Boi pelos atores Vinícius Martins, Fernando França, Soraine Morais, Luiza Quedes e Ranielly da Silva Costa, fiz  uma apresentação de ventriloquismo com o boneco Janjão e que chamou a atenção dos presentes, principalmente, das crianças.

O Janjão chamou mesmo a atenção dos alunos

No dia seguinte, pela manhã, mais  apresentações, desta feita, também para os pais dos alunos, já que estava sendo realizada uma reunião de encerramento do semestre.

Janjão arrrumou uma verdadeira legião de fãs na Escola de Canuanã

A Escola

A  Escola-Fazenda Fundação Bradesco Canuanã, foi inaugurada em 5 de julho de 1973, a 60 km da Cidade de Formoso do Araguaia. Na época, a região pertencia ao Estado de Goiás, hoje pertence ao Tocantins.

A escola funciona em regime de internato. Ocupa uma área total de 2.549,07 ha, com 72.343,14 m² de área construída.  Mais de 900 alunos  estão matriculados  na escola.

Características Regionais

A Escola está às margens das águas límpidas do rio Javaés, em frente à Ilha do Bananal, maior ilha fluvial do mundo, considerada Patrimônio da Humanidade desde 1.953.

A região tem fauna, flora e paisagens exuberantes, e se caracteriza pelo potencial econômico agropecuário, destacando-se a criação de gado de corte, cultivo do arroz, soja e melancia. Na área da Escola são encontrados vários tipos de vegetação, entre eles cerrado, mata fechada, varjões e várzeas inundadas, áreas típicas da Ilha do Bananal.

Educação Infantil

A primeira infância é um dos períodos mais relevantes no desenvolvimento mental, emocional e de socialização.

Estudos revelam que a qualidade de vida entre o nascimento e os seis anos de idade pode determinar as contribuições que uma pessoa fará a sociedade na fase adulta.

Ao instalar e manter as suas unidades escolares prioritariamente em regiões carentes do ponto de vista socioeconômico, a Fundação Bradesco procura contribuir para a reversão desse quadro, orientando-se por dois princípios: o respeito às particularidades locais e a valorização dos saberes adquiridos na convivência familiar.

Ensino Fundamental

Nos 9 anos de Ensino Fundamental, os alunos desenvolvem o domínio da escrita, da leitura e do cálculo. Além disso, tomam contato com outras áreas do conhecimento, como Ciências, História, Geografia, Arte, Educação Física.

Na primeira etapa do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), por exemplo, os educadores incentivam os estudantes a concluir hipóteses e a utilizar novos e diversos recursos, como diferentes mídias. Já na segunda etapa (6º ao 9º ano), quando ingressam na adolescência, os alunos da Fundação Bradesco aperfeiçoam conhecimentos com a prática de projetos e a participação em mostras e exposições.

Ensino Médio

No Ensino Médio, encerra-se um ciclo importante da vida escolar. É o primeiro passo para o início da vida adulta. Nesse momento de fazer escolhas, a mais importante diz respeito à profissão: a Fundação Bradesco procura preparar profissionais e cidadãos conscientes de seus diferentes papéis na sociedade. Tão importante quanto adquirir novos conhecimentos, é aprender a lidar com eles de modo ativo, construtivo e criador.

Educação Profissional Técnica de Nível Médio

Formar cidadãos criativos, produtivos, empreendedores e, sobretudo, capazes de aprender a aprender para inovar sempre tem sido uma preocupação constante da Fundação Bradesco. Com o propósito de facilitar a inserção ou a recolocação no mercado de trabalho, os cursos estão divididos em quatro áreas: Agropecuária, Gestão, Informática e Indústria.

Além dos aspectos técnicos, os currículos valorizam a relação da cidadania com o mundo do trabalho e também as demandas específicas por profissionais qualificados nas regiões em que as escolas estão localizadas.

Formação Inicial e Continuada

A Fundação Bradesco conta com cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC), que oferecem programas de atualização e qualificação de indivíduos com diferentes níveis de escolaridade. São mais de 100 cursos livres, cuja finalidade é ensinar um ofício, possibilitando aos alunos aumentar sua renda e melhorar a qualidade de vida.

O amplo portfólio cobre áreas profissionais como as de Gestão, Imagem Pessoal (Moda e Embelezamento Pessoal), Indústria (Elétrica, Eletrônica e Tecnologia Gráfica), Informática, Lazer e Desenvolvimento Social, Turismo e Hospitalidade (Serviços de Turismo, Hospedagem e Alimentação) e Agropecuária.

Anúncios

Etiquetas: , , , , , ,

22 Respostas to “Janjão se apresenta na Escola de Canuanã da Fundação Bradesco”

  1. Vanessa Carvalho Says:

    Fico muito feliz em saber sobre o trabalho realizado pela equipe de Canuanã – To. Sou ex aluna da Fundação e atualmente sou subsecretaria regional de educação de Porangatu GO.

  2. Vanessa Martins Da Silva Lima Says:

    Fico contente em ver este comentario. Sou aluna de lá
    e participei desta apresentaçao e digo que gotei muito,
    Espero que voltem aqui nesta Escola.
    Beijos De Vanessa………….
    thauuuuuuu.

  3. Herman Monteiro Reis Says:

    Herman Monteiro Reis , sou ex aluno desta conceituada escola;atualmente moro em anapolis go,parabenizo voces pela organizaçao.formei em 1988.

  4. Alessandra Says:

    Sou ex aluna desta intituição, sinto orgulho por ter feito parte desta família, atualmente moro em Araguaína, fico feliz pela iniciativa.

  5. Euclides Motta Batista Says:

    Sou ex Aluno dessa escola com muito orgulho,entrei em 1991 e sair em 1998,sou da turma Gomes Lourdes

  6. Pierro Bruno Says:

    Que saudade desta escola, fiz muito amigos nela, aprendi muito tambem, tenho orgulho ter feito parte dessa familia.

  7. Maria Helena Soares Says:

    Sou ex aluna desta maravilhosa instituição, sinto orgulho de ter feito parte desta família, fiz muitos amigos, e aprendi muito com todos educadores, parabenizo a escola pela a valorização do ser humano, pois venho de uma família humilde e tive a oportunidade de estudar desde das series iniciais até o 2º grau curso magistério de:1983 até 1993, hoje sou formada em pedagogia; Parabéns Canuanã.

  8. Valquiria Magalhães Says:

    Sou ex aluna e tenho orgulho em dizer que ja tive o privilegio de estudar nesta escola,parabéns pelo trabalho….
    a

    • Divino Barros dos Santos Says:

      oi Valquiria Matos Magalhaes se lembra de mim?Sou Divino Barros e tenho umas boas lembranças de vc..Sinto muito saudades suas,os tempos podem nao voutarem, mais de uma certeza eu tenho:Eu nunca vou esquecer de vc..estou morando em Paraiso do Tocantins..9237-1999.Te desejo toda sorte do mundo, porque vc merece…………..!

  9. Cleiton Barbosa Gomes Says:

    para mim esta escola foi a melhor escola do mundo!! obrigado bradesco

  10. Rayane Says:

    o que precisa para entrar nessa escola ? me interesse .i

  11. Ana Maria Pereira Porto Says:

    SOU EX ALUNA DESTA ESCOLA ME FORMEI EM 1998 , FUI MUITO FELIZ NESTE LUGAR ABENÇOADO POR DEUS

  12. huellyelma torres Says:

    amo essa escola,sinto saudades dos amigos,funcionarios formei em 2008

  13. Divino Barros dos Santos Says:

    sou Divino Barros,e ate hoje eu tenho curiosidades de saber porque que fui mandado embora dessa querida escola de Canuana kkkk galerinha meus contatos 92371999 liga ai saudades de vcs…tchau tchau

  14. Divino Barros dos Santos Says:

    Oi alguem pode me passar o numero da Rejane Teixeira da Silva? Que fazia a oitava serie em 2008 è o Divino quem esta pedindo, e muito obrigo,sinto falta dessa querida escola, o destino quis que eu nao me formace là, as veses o destino é meio crueu mais faz parte….Rejane saudades de vc…

  15. Divino Barros dos Santos Says:

    sou Divino Barros,e ate hoje eu tenho curiosidades de saber porque que fui mandado embora dessa querida escola de Canuana kkkk galerinha meus contatos 92371999 liga ai saudades de vcs…tchau tchau….

  16. Sidney Pereida de Oliveira Says:

    Ã Fundação Bradesco foi minha casa por dez anos. Fico feliz por esta escola está crescendo a cada ano. Ao ver as fotos dessas crianças me recordo de quando comecei estudar ai aos dez anos de idade, bons tempos. Sidney Pereira de Oliveira, 34 anos, Biólogo, ex- aluno da FB. sidney1479@gmail.com

  17. João batista costa santos Says:

    Canuanã foi a onde muito abrendi
    digo de coração gosto de te
    mais sai de ferias e nunca mais
    voltei ali.

    Lá o nomoro era proibido
    Pachiba um guarda velho
    muito sabido um dia
    me pegou namorando escondido

    no outro dia olha eu na secretaria
    falando com a D. Luzia
    essa menina comigo se entrigou
    dando pra outro seu amor
    aguenta coração sofredor

    no final do ano eu e meus companheiros
    passando e ela repetente mais um ano

    mais e isso ai canuanã eu sou fruto dessa linda e maravilhosa escola que espalho conhecimentos do que aprendi ai muito obrigada a todos que contribui para o bom desnvolvimento da mesmo. me lembro dos professores HOEL PRO: MATEMATICA
    PRO:ARENALDO, hj mora em PAN, PRO:MARLI, e sua irnã aluna TEREZINHA AMELIA DE NOVAES, PROF: DORALICE, DISCIPLINA INGLES, MARIA DO CARMO ESTUDO REGIONAIS, ADELMA FREIRE CUNHA, PORTUGUES E TB PASARAM O PROF; JOÃO E TIO BOLINA MAIS TIA EMILIA, BENTÃO DA HORTA E DR JOAO
    OUTROS ALUNOS QUE ERA DA MINHA TURMA Q ME LEMBRO ERA: TEREZINHA AMELIA DE NOVAES
    JUCINEI….
    MARIA EUNICE
    JACIRA PUTENCIO
    PEDRO PINHEIRO
    OLIVEIRA
    JURACI O CANDIRU
    CARLOS MAGNOS
    PAULO PAREAO
    ADRIANA
    GILSOM
    GIDEON
    E assim foram varios amigos só n faça e lembra-me o nome de todos. Bons momentos passei neste lugar maravilhoso e aprendi muito muito obrigada a todos que conheci e aqueles que me reconhecer me adicioana ai no facebook convida ai joao batista costa santos moro em Confresa mt

  18. ERICA BARBOSA ALVES Says:

    olá!
    eu formei em canuanã em 2013, e agora, encaro a realidade de ser independente, e afirmo, que sou grata por tudo que canuanã me proporcionar, inclusive as amizades que conquistei, o ensino em canuanã elimina 80% dos adversários na hora de procurar emprego.

    CANUANÃ, SINTO MUITAS SAUDADES…

  19. gutenberg da silva assunção Says:

    foi um dia muito especila para mim,eu gostei muito .

  20. Aparecida Borges Says:

    e um trabalho belíssimo ainda vou conhecer de Perto se Deus me permitir bjss

  21. Naria Rubia Cardoso dos Santos Says:

    Canuanã foi minha casa durante 10 anos, adorei ter estudado lá pois além da educação que la proporciona, encontramos amigos de verdade entre alunos e professores, e la tem uma forma diferente de aprendizado… tenho em enorme orgulho de ser ex- aluna de la, saudades eternas!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: