Posts Tagged ‘Juarez Moreira Filho’

Projeto Café com Letras em Gurupi debate a obra de Juarez Moreira Filho

Setembro 21, 2011
Juarez Moreira Flho 

Idealizado pelos professores do Curso de Letras Centro Universitário UnirG, Wellitania Oliveira e Fabiano Donato, o projeto Café com Letras, realizou sua segunda edição na tarde de domingo, 17, na Pizzaria Santo Canto, em Gurupi. Na primeira edição realizada em no mês de maio, a homenageada foi a escritora e poetisa Zefinha Louça. Desta feita, o alvo das atenções foi o escritor Juarez Moreira Filho, que debateu sobre  as características peculiares de produção literária regionalista tocantinense.

Professores eintelectuais tocantinenses discutindo literatura num ambiente agradável

“Em cada encontro iremos homenagear um autor do Estado. Somos um grupo de amigos que nos reunimos para discutir literatura, recitar textos, trocar experiências e comentar a literatura tocantinense”, disse a professora de Literatura Portuguesa e Cultura Brasileira do curso de Letras do Centro Universitário UnirG, Wellitania Oliveira.

A escritora Marilde Gomes também prestigiou esse Café com Letras

Juarez Moreira Filho disse que se sentia honrado por participar dessa tertúlia literária, principalmente, por estar rodeado de um grupo seleto de pessoas amantes das letras e que está comprometido em debater e fazer um resgate da literatura produzida no Estado do Tocantins, difundindo-a das mais diferentes formas.

Juarez Moreira Filho e os professores Fabiano Donato e Wellitania Oliveira

Recém-chegado de Portugal, o escritor Gleidston César, que está morando em Gurupi, também esteve presente ao evento

O professor Fabiano Donato falou da relevância da obra de Juarez Moreira Filho no contexto do regionalismo tocantinense e lembrou algumas facetas que considerou interessante, como o humor registrado em determinados contos, que segundo ele, servem de grande atrativo para prender a atenção do leitor.

Após amplas discussões sobre a obra de Juarez Moreira Filho, os participantes do Café com Letras elegeram o próximo autor a ser  homenageado pelo projeto. Trata-se do escritor José Maciel de Brito, presidente eleito da Academia Gurupiense de Letras. A data escolhida para o evento será o dia 27 de novembro.

Zefinha Louça também teceu comentários elogiosos à obra de Juarez Moreira Filho

HOMENAGEADO

Juarez Moreira Filho é escritor regionalista atuante no Tocantins, vice-presidente da Academia Tocantinense de Letras (ATL). Foi o autor regional homenageado da Feira Literária Internacional do Tocantins (Flit), realizada este ano, em Palmas. Possui publicadas as seguintes obras: Oco do Mundo (romance), Rancho Alegre (memórias), Mangaratiba – Peões. Boiadas. Tropas & Bruacas (memórias), Tipos de Rua (contos), obra adotada para o Vestibular-2011, da Universidade Federal do Tocantins – UFT, Risos & Lágrimas (memórias); Perfil da Academia Tocantinense de Letras (história/biografias), Patronos da ATL (história/biografias); À Sombra do Ipê (crônicas) e Tipos Pitorescos.

Este escriba também pontuou algumas curiosidades interessantes na obra de Juarez Moreira Filho

Anúncios

Café Literário é lançado em Gurupi com homenagem à Zefinha Louça

Maio 30, 2011

Zefinha Louça ladeada pelos amigos escritores e professores

A escritora e poetisa Zefinha Louça  foi  a primeira homenageada no Café Literário, desenvolvido por  professores  universitários e intelectuais de Gurupi. O projeto piloto do evento aconteceu no domingo, 29, no período da tarde, na Pizzaria  Santo Canto, centro da cidade. Também aconteceram apresentações musicais e recital de poesias de Zefinha Louça.

Zefinha Louça e a professora Wellitania Oliveira avaliaram como positiva esta edição do Café Literário

O escritor regionalista Juarez Moreira Filho, autor homenageado da FLIT – Feira Literária Internacional do Tocantins, na  7ª edição do Salão do Livro,  veio especialmente de Porto Nacional, onde reside, para apoiar o evento. “Gostei muito desse Café Literário, a iniciativa é louvável e, por isso mesmo, merece ter continuidade”, afirmou Moreira Filho.

Para a professora Wellitania Oliveira o trabalho  de  Zefinha Louça engrandece a Literatua Tocantinense e, por isso mesmo, deve ser alvo de  permanente estudo por parte de pesquisadores, professores e alunos. “Precisamos valorizar  os talentos de nossa terra. O  Café Literário que começa com Zefinha Louça terá continuidade com outros autores tocantinenses e deve acontecer pelo menos uma vez por mês”, ressaltou Wellitania.

Juarez Moreira Filho, Wellitania Oliveira, Marilde Gomes e Fabiano Donato debateram a obra de Zefinha Louça

Já Zefinha Louça, emocionada, disse que ficara encantada com essa homenagem, principalmente pela oportunidade de reunir num só evento, pessoas que lhe são muito queridas, e que, igualmente como ela, cultivam o amor à literatura.

O poeta e ator Vinícius Martins também homenageou Zefinha Louça

O poeta e professor universitário Fabiano Donato discorreu sobre a obra de Zefinha e, especial, de seu livro de poesias “Matizes”. Para Donato, a produção literária de Zefinha Louça amadureceu, ficou mais consistente e o resultado desse trabalho é o surgimento de belas páginas poéticas. Finalizando, Donato fez questão de nominar Zefinha Louça como a Grande Dama da Poesia Tocantinense.

Zefinha Louça e a escritora Marilde Gomes, integrante da Academia Gurupiense de Letras

Quem também fez quesão de levar um abraço especial à autora foi o poeta e ator Vinícius Martins, lembrando a importância de Zefinha Louça na  sua vida. Martins disse que  foi brindado com o prefácio  de Zefinha louça no seu primeiro livro.  E ressaltou: “Ela sempre me incentivou a escrever. Portanto, esta homenagem à Zefinha,  é um merecido reconhecimento público por sua importante contribuição no movimento literário do Tocantins”.

Os amigos fizeram um brinde à Zefinha Louça

SOBRE A AUTORA

Josefa Louça da Trindade, mais conhecida por Zefinha Louça, nasceu no município de Dianópolis, no sudeste do Estado É formada em Estudos Sociais pela UFG, em pedagogia pela UNIRG e Pós Graduada em Língua Portuguesa pela ASOEC de São Gonçalo (RJ). Pertence a Academia Tocantinense de Letras, bem como, à  União Brasileira de Escritores (UBE-GO). Tem os seguintes livros publicados: Fatos em Versos, Momentos Poéticos, Matizes (poesias), Turiscultura-Viagens pelo Brasil (crônicas),  Os Prathes (história) e Álbum de Viagens, livro que  se originou de relatórios das viagens realizadas pela autora.

Este blogueiro também prestigiou a homenagem à Zefinha Louça, recitou poesia e falou sobre a obra da autora

ASSISTA O VÍDEO

Marilde Gomes lança livro sobre a História de Dueré

Dezembro 7, 2010

No sábado, dia 11, a escritora Marilde Gomes, estará lançando o livro “Dueré – Passado & Presente”, publicado pela Editora Kelps, de Goiânia.

O lançamento acontece às 20 horas, na igreja de Santo Antônio, em Dueré, a 228 km de Palmas, em meio a uma movimentada sessão de autógrafos que terá a participação de intelectuais de Gurupi e de Palmas.

Para Juarez Moreira Filho, que assina o prefácio da obra, Marilde Gomes soube dosar e metrificar com maestria a história de Dueré, os costumes, lendas, sabedoria popular, crendices e uma ponta de nostalgia própria da alma humana, de uma vivência telúrica.

As biografias dos ex-prefeitos de Dueré, uns já falecidos outros não, constantes do enredo, só enriqueceram a obra em tela, pois são vultos que, às duras penas, ajudaram a construir a história da cidade, emancipada em 14.11.1958.

Juarez Moreira Filho também destaca que apesar de ser história, na sua essência, ficou leve e agradável de ler, pois os fatos foram narrados com arte, divertimento, graça e beleza, dentro de uma grande simplicidade de linguagem, o que não enfraqueceu em nada o vigor da história

Marilde Gomes é titular da Academia Gurupiense de letras onde ocupa a cadeira 26, já tendo publicado, anteriormente, o livro Quase todos: segredos de uma vida” (Ed. Kelps).